Schasta

Design + Anime + Manga + RPG + Programação

  • RSS
  • Delicious
  • Facebook
  • Twitter

Décimo quarto dia – Londres

Posted by schasta março - 21 - 2015 0 Comment

E chegou o dia tão esperado da viagem!

Visitamos o Museu Britânico, enorme com muita coisa para ver! Pode-se reservar um dia inteiro para olha-lo com calma. Recheado de antiguidades, com diversas múmias e restos de várias peças que compuseram a história da Europa, além de relógios antigos, me perdi apreciando essa tecnologia antiga! Destaque para as múmias dos gatos e outros animais, deu para ter uma boa noção de como eram idolatrados. Segue um vídeo com uma peça que dá uma ótima ideia do funcionamento de um relógio http://youtu.be/3HoffHHxagA.

 

 

 

 

 

Finalmente encontramos um local com buffet para almoçar, um restaurante chinês! Já estávamos com saudades do arroz e macarrão!

 

 

 

 

 

 

 

Visitamos vários pontos turísticos, e deixamos de lado o London Eye, para poder cobrir uma área maior da cidade. Adorei ver a garotinha sentada na ponte desenhando o Big Ben!! A Millennium Bridge é muito legal também, principalmente quando se abre para a passagem das embarcações, perto dela tem uma construção onde uma rainha ficou aprisionada, que insistem em lembrar como um acontecimento triste para a cidade.

 

 

 

 

 

Demos uma passadinha na frente do palácio para ver os famosos guardas da rainha que nunca se movem, com tanta atração, o que mais me atraiu foi o jardim!

 

 

 

 

 

Após jantar uma pequena porção de macarronada, finalmente chegou a hora de assistir o  Rei Leão no teatro Lyceum! Antes do início do teatro, tinha uma senhora que aparentemente não gostou da área que ficou sentada, reclamou um pouco e foi embora, incrível como essa gente tem dinheiro sobrando. Mal começa a apresentação e já estou com lágrimas nos olhos, só com a música de abertura! Muito lindo! Saindo de lá tive que comprar o DVD deles, para ouvir as músicas até memorizar, e me apaixonei pela canção Shadownland, é de arrepiar.

 

 

 

 

 

Saindo do teatro notamos que tinha uma correria de pessoas para pegar o metrô, naquela noite aprendi a ficar do lado correto da escada, a correria significava que os últimos horários estavam saindo, ainda bem que conseguimos pegar, demos sorte.